MESMO NA PANDEMIA, SETOR DE ENERGIA SOLAR CRESCEU 45% NO PRIMEIRO SEMESTRE E GEROU 47 MIL NOVOS POSTOS DE TRABALHO

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Enquanto a era da energia solar começava nos Estados Unidos, em 1954, o Brasil ainda caminhava a passos bem lentos acerca do que, um dia, representaria o futuro. Apenas em 2012, quase depois de sessenta anos, foi que este tipo de consumo conseguiu um grande destaque no país. Desde o fim da última década, tem sido cada vez mais comum encontrar casas e estabelecimentos comerciais que tenham investido nesse sistema.

Ainda assim, o que ninguém esperava era que, em meio a tantos problemas causados pela pandemia que vai ficar para a história e que abalou vários segmentos econômicos, o setor de energia solar ficasse ainda mais forte, tendo um ótimo crescimento e se tornando notório.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira o grande crescimento que essa fonte de energia está tendo e invista em uma estratégia bem econômica e inovadora!

O crescimento da energia solar em meio à pandemia de Covid-19

Desde 2012, as usinas solares brasileiras já tiveram um investimento de R$31 bilhões em todo o país. Além disso, conseguiram criar em torno de 180 mil empregos locais, segundo dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR).

Mas, de todos esses números acumulados em aproximadamente oito anos de esforços, foi gerado um total de 26% apenas em 2020. Ou seja, em um ano de pandemia e marcado por tantas inseguranças em vários setores que sofreram uma crise econômica por causa das questões de saúde.

Você pode encontrar essa porcentagem quando percebe que, dos 180 mil empregos gerados, 47 mil postos foram abertos em 2020, solicitando vagas que iriam desde os engenheiros especializados, até mesmo aos profissionais responsáveis por instalar os equipamentos.

Além disso, o ramo empregatício não foi o único que viu resultados. De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica, mesmo com o período de pandemia, houve um crescimento de 45% na quantidade de instalações que aconteceu somente no primeiro semestre.

E, para você ter uma ideia, em julho, pouco tempo depois dos comércios voltarem a abrir, a capacidade instalada de geração de energia solar do Brasil atingiu 6 GW. Isso foi um marco para todos.

Não é à toa que, ainda de acordo com a ABSOLAR, o país vive um ano histórico no que diz respeito à sua expansão neste segmento. E vive mesmo.

Os motivos que levam a esse crescimento

Um dos motivos do crescimento dessa fonte de energia no país está ligado ao fato de que, nos últimos dez anos, ocorreu um tipo de “nacionalização” da produção dos itens que tem relação com a energia solar.

Além disso, como informa o Click Petróleo e Gás, o Governo também decidiu acabar com a alíquota de importação dos equipamentos até 2021. Isso levou a uma redução de 85% dos custos.

Com isso, foi possível perceber um aumento da competitividade no segmento. Até porque, diferentes empresas passaram a ter a oportunidade de abrir suas portas e de prestar serviços às pessoas interessadas. Isso levou a uma maior concorrência e, claro, a um menor preço oferecido ao consumidor.

Além disso, outro ponto que importa muito é que a nova reforma tributária também tem como objetivo implementar o Imposto Verde. O interesse é diminuir a forma como se emite o carbono na atmosfera.

O objetivo dessa iniciativa é combater, mesmo que de forma gradativa, o aquecimento global. E uma pesquisa brasileira publicada no International Journal of Climate Change Strategies and Management já mostrou que a energia solar pode ser um mecanismo interessante para alcançar reduções ambiciosas nessas emissões até 2030 e 2040..

Então, um grande número de companhias certamente vai querer investir no projeto. Com isso, a expansão da energia solar fotovoltaica vai ser ainda maior por todo o país.

Adquira estes benefícios você também!

Um dos benefícios mais importantes que a energia solar tem é o fato de ela ser uma fonte renovável. Assim, ela traz vantagens para a preservação ambiental e para o desenvolvimento de tecnologia e também tem seus pontos positivos para o bolso do consumidor.

Isso porque ela diminui o valor das contas de luz, tem um custo bem baixo de manutenção e várias aplicabilidades. E você ainda tem a chance de armazenar a energia solar e redirecioná-la para outros imóveis que tenham a mesma titularidade.

Por isso, não perca tempo e comece já a dar um passo em direção ao futuro. Saiba como investir na energia solar na sua casa ou empresa. É só acessar o nosso site e, claro, não deixe de conferir as nossas principais dicas no blog!

Veja mais