EM JULHO, BRASIL TRIPLICOU A PRODUÇÃO DE ENERGIA SOLAR EM RESIDÊNCIAS E PEQUENOS TERRENOS

Em julho, o Brasil triplicou a produção de energia solar em residências e pequenos terrenos

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

No mês de julho deste ano, o Brasil passou a produzir 3 GW (Gigawatts) de energia solar em residências e em pequenos terrenos. Esse número é três vezes maior do que o de agosto de 2019 — que era de 1 GW.  O crescimento da energia solar em residências e terrenos é justificado principalmente pela alta busca por redução de gastos em meio a uma pandemia.

A perspectiva de aumento das tarifas de energia elétrica acaba pressionando os brasileiros a optarem pela energia limpa e renovável, afinal de contas, ninguém precisa de um orçamento impactado, sobretudo em momento de crise.

Quer saber mais sobre o assunto e conhecer as vantagens e as expectativas da energia solar no Brasil? Então acompanhe o texto e aproveite a leitura!

De que forma a captação da energia fotovoltaica é realizada?

Antes de qualquer coisa, é preciso deixar claro que a energia fotovoltaica é a energia solar, certo?! O funcionamento ocorre a partir dos famosos painéis solares que realizam a captação da luz, gerando energia elétrica, por meio do efeito fotovoltaico.

Lembrando que os efeitos são obtidos assim que as partículas de luz solar colidem com os átomos de silício. Dessa forma, a colisão acaba gerando um deslocamento dos elétrons, criando, assim, uma corrente elétrica contínua.

Essa corrente é encaminhada para o inversor solar, que converte a corrente para alternada. Depois disso, consegue-se gerar eletricidade para qualquer local, seja uma empresa, um prédio ou uma casa.

Quais são os benefícios do sistema de energia solar em residências?

Os benefícios de investir nesse sistema são inúmeros. Aqui, vamos falar sobre os principais. Confira a seguir.

Economia de recursos

A primeira grande vantagem que fez centenas de milhares de pessoas no Brasil a escolherem a energia solar é, sem dúvidas, a grande economia na conta de luz. Um sistema bem dimensionado pode reduzir os gastos de eletricidade em até 95%.

Valorização da propriedade

Se você fosse investir em um imóvel e tivesse duas opções: uma casa que não tem placas solares e uma que gera sua própria energia, qual seria a escolhida? Certamente você optaria pela segunda, não é?

A instalação de um sistema de energia solar acaba valorizando muito o imóvel.

O nosso mercado imobiliário não tem dados estatísticos, no entanto, tem como base uma pesquisa conduzida pelo Laboratório Lawrence Berkeley, dos Estados Unidos, que comprova que as pessoas pretendem pagar 15 mil dólares a mais por um imóvel que tenha placas solares.

Sustentabilidade

A energia solar contribui com o meio ambiente, pois é uma fonte limpa, renovável e diminui a emissão de gases (como o CO2) que acabam gerando o efeito estufa.

Retorno sobre o investimento

Todas as vantagens acima ainda não foram suficientes para comprovar que a energia solar é a melhor opção? Então essa última vai ser: o retorno sobre o investimento.

O tempo desse retorno na forma de economia na conta de energia é de aproximadamente 5 anos. Além do mais, o tempo de vida útil do sistema é de cerca de 25 anos. Isso significa que o custo com eletricidade vai ser praticamente nulo durante 20 anos.

Qual é o futuro da energia solar no Brasil?

Apesar de estarmos passando pela pandemia de Covid-19 — a qual tem prejudicado muitas empresas e levado muitas pessoas a pensar em economia de recursos —, o mercado de energia solar tem apresentado um bom crescimento.

Segundo a Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), esse sistema conseguiu triplicar sua atividade em apenas um ano. Além disso, nos últimos seis meses (sendo que em três deles já estávamos na pandemia), houve um crescimento de 50%.

Já são aproximadamente 255 mil sistemas de energia solar fotovoltaica garantindo energia para mais de 318 mil unidades. O mais interessante é que o Brasil é um país solar por natureza, contando com excelentes condições para vir a ser um líder mundial nessa área.

O Brasil tem capacidade de gerar mais energia que outros países que já se encontram entre os cinco que mais produzem energia solar no mundo, que são China, Japão, Estados Unidos, Alemanha e Índia.

E as boas notícias não param por aí. A estimativa é que a energia solar quadruplique no país nos próximos 10 anos.

Enfim, como é possível notar, vale muito a pena investir em energia solar em residências, afinal de contas, estamos falando de uma opção econômica, sustentável, segura, de fácil instalação e que ainda tem um retorno rápido sobre o investimento. E não poderíamos deixar de ressaltar que esse tipo de energia vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil, portanto, o futuro é bastante promissor!

Gostou desta notícia sobre o mercado de energia solar? Saiba que você pode conferir muitas outras aqui no nosso blog ou em nossos canais no Instagram e no Facebook.

Veja mais