NÍVEL DE RESERVATÓRIOS NO SUDESTE E CENTRO-OESTE É O MAIS BAIXO EM 6 ANOS: VEJA O IMPACTO NA CONTA DE ENERGIA ELÉTRICA!

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Nos últimos anos, o Brasil vem vivenciando uma grande crise hídrica. O motivo? A redução dos volumes dos reservatórios nacionais. No mês de janeiro deste ano, os reservatórios hidrelétricos do Centro-Oeste e do Sudeste fecharam com o índice mais baixo dos últimos 6 anos. Isso mesmo!

E vale lembrar que eles são responsáveis por aproximadamente 60% da captação de água para gerar energia elétrica no país. Além disso, esses reservatórios ainda são usados para consumo humano e animal, para a irrigação e para muitos outros usos.

E adivinha quem é a primeira a sofrer os impactos dessas baixas nos reservatórios? Você disse “conta de energia”? Então acertou! Mas por que isso acontece? Continue a leitura para entender como a falta de chuvas e queda dos volumes dos reservatórios hidrelétricos afetam os valores das contas de energia elétrica!

Reservatórios hidrelétricos x Conta de energia elétrica

Como a energia das hidrelétricas é gerada por meio dos rios, o funcionamento adequado dessa fonte está ligado ao volume de água deles, que está relacionado à presença de chuvas. Ou seja, quanto maior for a oferta de água, melhor vai ser o funcionamento das hidrelétricas.

Por outro lado, quando o volume de água está bem baixo, o governo autoriza o uso de outros tipos de fontes de energia, como as usinas termelétricas. Lembrando que, na maioria das vezes, esses outros tipos são mais caros do que a geração hidráulica. Assim, quando isso acontece, os custos também chegam para os consumidores, que notam um aumento no valor da conta de energia. Então, se falta água, a conta sobe.

Bom, como você viu que o nível dos reservatórios no Sudeste e Centro-Oeste é o mais baixo em 6 anos, os brasileiros vão sentir o aumento na conta. De acordo com a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), a bandeira tarifária vai permanecer na cor amarela em fevereiro. Assim, o preço da energia fica em R$1,34 para cada 100 quilowatts consumidos por hora.

A pergunta que fica é: como fugir do aumento na conta de energia elétrica?

É possível fugir desse aumento na sua conta. Então, basta que você produza sua própria energia usando outra fonte, como o sol. Não é à toa que o uso da energia solar tem crescido tanto. Afinal, ela ajuda você economizar, é renovável e limpa. Tanto o seu bolso quanto o planeta agradecem.

Então, a energia solar é uma ótima solução. Além de ser uma fonte sustentável e limpa, ela não interfere nos reservatórios de água e ainda diminui o impacto das bandeiras tarifárias.

Como funciona a produção de energia solar fotovoltaica?

Para transformar energia solar em energia elétrica, é necessário instalar os painéis fotovoltaicos (placas solares). Assim, a radiação do sol é transformada em energia elétrica. O que acontece é que os raios são captados pelos painéis solares e a radiação é transformada em energia elétrica, a qual é gerada a partir das células fotovoltaicas.

Dessa forma, você passa a produzir a sua própria energia elétrica. Assim, toda a energia que você produz em sua casa, na empresa, enfim, no lugar que desejar, é injetada na rede da concessionária. Além disso, saiba que aquilo que você não gasta passa a ser crédito para você.

Busque economia e sustentabilidade!

Além dos vários benefícios que falamos, a energia solar tem instalação fácil e ainda valoriza seu imóvel! Então, confira as principais vantagens desse tipo de energia:

  • Instalação simples e rápida;
  • Economia imediata;
  • Equipamento silencioso;
  • Preservação do meio ambiente;
  • Opções de financiamento;
  • Fonte de energia inesgotável;
  • Incentivos governamentais;
  • Valorização do imóvel;
  • Alta durabilidade.

Viu só quantas vantagens a energia solar oferece? Fuja o mais rápido desse aumento na sua conta de energia! E lembre-se de que uma placa solar fotovoltaica pode funcionar por até 25 anos, precisando de pouca manutenção.

Gostou do texto e quer obter mais informações sobre a energia solar? Então não deixe de conferir as novidades de toda semana no nosso blog!

Veja mais

Gerar energia

OS BENEFÍCIOS DE GERAR ENERGIA EM CASA

O valor da conta de energia vem aumentando cada vez mais e as projeções não parecem boas. Com o aumento da tarifa de transmissão de